Blog da Vânia

Eles também precisam de cuidados

Algumas áreas corporais como joelhos e cotovelos são mais suscetíveis ao ressecamento, por isso exigem atenção especial. Isso acontece porque tais regiões ficam mais expostas aos efeitos externos como o frio, o vento, o ar seco, o banho quente, o atrito e a desidratação. Essas áreas precisam de uma hidratação diária para evitar o aspecto envelhecido.

Segundo a dermatologista Dra. Paula Marsicano, quando os joelhos e os cotovelos não são hidratados diariamente a tendência é que fiquem escurecidos, enrugados e ressecados. “Essas áreas são mais elásticas permitindo movimentos maiores e, por isso, os tecidos não produzem glândulas sebáceas suficientes para hidratar a pele. Além disso, joelhos e cotovelos estão sujeitos aos atritos que intensificam o ressecamento”, explica.

Para evitar que isso aconteça, joelhos e cotovelos não podem ser deixados em segundo plano na hora da hidratação. “O ressecamento pode ocorrer em qualquer época do ano e o ideal é manter uma rotina diária após o banho aplicando hidratante no corpo inteiro, principalmente nessas regiões. Este é um hábito simples que evita que a pele fique com um aspecto ressecado”, destaca a dermatologista.
Algumas pessoas reclamam que a pele nessas regiões fica mais escurecida, porém quando estão muito ressecadas pode apresentar uma coloração branca e leve descamação. “O escurecimento nos joelhos pode estar associado à exposição exagerada ao sol, atividades físicas que aumentam o atrito no local e o uso constante de calça justas, itens responsáveis pela alteração na pele. Já os cotovelos permanecem endurecidos e com aspecto esbranquiçado devido à falta de hidratação, sendo que o problema pode ser resolvido com aplicação de um cosmético hidratante”, afirma a dermatologista.
Portanto, ao notar um sinal de descamação ou vermelhidão nessas áreas, procure um dermatologista. “A descamação pode indicar um quadro de alergia ou o início da psoríase (doença inflamatória da pele)”, alerta Dra. Paula Marsicano.

Alguns hábitos simples podem contribuir para evitar que a pele dos joelhos e dos cotovelos fique ressecada, são eles:

1. Evite, ao máximo, apoiar os cotovelos nos locais.
2. Faça esfoliação no local, semanalmente, ou pelo menos, a cada 15 dias.
3. No banho dê uma atenção especial aos joelhos e cotovelos. “A dica é lavar as extremidades tirando todas as impurezas, como a pele velha que fica na região. Porém, evite água muito quente. Depois, seque muito bem”, finaliza a dermatologista.
4. Use sempre hidratante na região.
5. Na hora de aplicar o creme faça movimentos circulares para melhor penetração do produto.
6. Se permanecerem os sintomas, torna-se necessário procurar um dermatologista para indicar o melhor tratamento.

Dra. Paula Marsicano Cezar Vieira – Dermatologista (CRM 52-815861 RQE 20729)
Membro Titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia SBD

Atendimentos:
Clínica Renova Avenida Pelinca, 330 2733-9694
Clínica Périssé 2738-2650
Pró Vida 2736-9800
Insta: @paulamarsicano

Fotos: Divulgação Internet

Vania Carvalho

Escrito por Vania Carvalho

Campista, caçula de uma família de 9 filhos, casada há 23 anos com o advogado Ralph Pessanha e mãe de Bianca e Bruno.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *