Comportamento

Dicas de comportamento: visitando um amigo

Visitando os amigos

Vamos falar aqui entre nós. Você se comporta na casa dos outros como​ gostaria que se comportassem na sua? Tem gente que é tão sem noção​ que vira persona não grata na casa dos amigos. O fato é que no fundo
todo mundo sabe como se comportar bem, mas alguns realmente​ precisam de um toque. De uma forma ou de outra, não custa nada​ aprender ou relembrar. Vamos lá?

Evite o olhar curioso

Não tem nada mais sem noção do que aquela visita que vai à sua​ residência pela primeira vez e não consegue olhar para você. Repara na​ sua casa inteira sem nem disfarçar. Os olhinhos curiosos percorrem cada​ detalhe. Do lustre ao tapete. E ainda tem aqueles que observam os​ problemas: uma parede com infiltração, o rasgadinho do sofá, e ainda​ olham com aquela expressão de susto ou pavor. Se você entrou e a casa e​ linda, elogie e pronto. Nada de ficar percorrendo os objetos e colocando a​ mão em tudo. Nem de ficar hipnotizado pela casa. Olhe nos olhos do​ anfitrião e esqueça do ambiente. Você não está numa loja.

Não invada cômodos

Só entre onde for convidado. Para com essa mania chata de sentir sede​ psicológica toda vez que visita alguém. Compre água na rua. Só coma ou​ beba o que te oferecerem. E nunca, nunca mesmo, vá atrás do anfitrião​ até a cozinha. Nem mesmo peça para conhecer a casa inteira.

Não acabe com os doces da Bomboniere

As pessoas colocam uma balinha ou bombons para as visitas, sim.​ Principalmente se rolou um cafezinho. Se te servirem café, e se te​ oferecerem um bombom, pode pegar sem cerimônia. Se tem intimidade​ com o dono da casa, pode pegar também. Mas não é pra esvaziar o pote.

O mimo do open house

Se você vai conhecer a casa de uma amiga, nada mais agradável que​ chegar com um presentinho. Pode ser, por exemplo, um aromatizador de​ ambientes ou sabonete líquido numa embalagem legal, porque são itens
que não comprometem a decoração. Porque aquele presente que não​ tem nada a ver com a sua casa acaba virando um presente de grego ou​ nunca será usado.

E aí, gostaram da matéria de hoje?

Fotos: Divulgação Internet

Débora Batista

Escrito por Débora Batista

Jornalista especializada em Assessoria de Imprensa e Mídias Sociais. Também é Professora de Etiqueta e Apaixonada por Mesa Posta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *