Receita

Receita de empadão de espinafre

​No final de semana aqui em casa nós saboreamos um empadão de espinafre delicioso feito por minha secretária Carla Beatriz (falei com ela que eu ia colocar o seu nome com o devido crédito e assim estou fazendo).

Como eu achei muito prático, nutritivo e saboroso, pedi a ela que fizesse a gentileza de copiar a sua receita pra mim. É, porque ela faz tudo de cabeça, tá?! Não anota nada e sabe um monte de receitas maravilhosas. O que você pensar em comida ela sabe fazer. Uma figura; nos conhecemos há 11 anos. Precisa falar mais? Quanto à receita, vai vendo… rsrsrs 

Empadão de espinafre

Massa:
1/2 kilo de farinha de trigo
3 colheres de margarina
3 colheres de óleo
1 pitada de sal
Fatias de mussarela para cobrir

Recheio:
1 maço de espinafre lavado, escorrido e picado
1/2 litro de leite
3 xícaras de farinha de trigo
2 colheres de margarina
1 cebola cortada em cubinho
3 dentes de alho amassados
Sal a gosto

Mode de preparo

Para a massa; misturar tudo até obter uma massa lisa e firme.

Para o recheio: doure a cebola, o alho na margarina, acrescente a farinha de trigo aos poucos, em seguida acrescente o leite, o sal e o espinafre. Cozinhe até formar um creme bem grosso.

Para finalizar: espalhe bem a massa na travessa, coloque o creme, cubra com mussarela e leve o forno até dourar.

Pode falar que deu água na boca, tá?! 🙂

Beijinhos e até a próxima.

Jóias

Sugestões de presentes em jóias, semi-jóias e relógios

​Quando eu chego na À Jóia Nobre com a dura tarefa de escolher as peças em jóias, semi-jóias e relógios para o post do mês fico perdida diante de tanta coisa linda.

Eu já falei em outros posts do quanto admiro o bom gosto que a empresária responsável pela loja do Shopping 28, Ana Paula Crespo, tem na hora de escolher as novidades para o seu público. Tem também agora uma grande aliada, a Izabela Crespo, que além de modelar está responsável pela parte das redes sociais para divulgação das lojas. Quer saber? Está sendo um sucesso.

Ah, e as nossas fotos estão sendo bastante elogiadas também. Vamos dar o crédito para o fotógrafo Fernando Cerqueira. Estou com uma turma boa. Concordam?Bom, chega de falar, né, Vânia? Vamos às fotos das peças que escolhemos 🙂 

E aí, pessoal. O que acharam das nossas escolhas?

Beijinho e até o próximo post

Etiqueta

Como se comportar no dia a dia

​Olá amigos do Blog da Vânia. Hoje vamos falar de etiqueta social nas ruas. Quando você estiver andando por aí, esbarrando em pessoas, lembre-se de que não é o dono do mundo e respeite os espaços. Limite-se ao seu e tudo dará certo, ok?

No ônibus ou metrô

No interior do Brasil é um pouco questão de classe social. Nem todos andam de ônibus mas estudantes de muitas camadas da sociedade costumam andar. Nos grandes centros, é mais comum que as pessoas deixem o automóvel em casa e se aventurem nos coletivos. Quando estiver em um deles, mesmo no metrô, lembre-se que a vaga sentado é preferencial de idosos e mulheres. Quem disfarça olhando para a janela o tempo inteiro é deselegante sim.

Outra etiqueta para os coletivos é a respeito da Comunicação. Fale ao telefone apenas em tom de voz bastante baixo. Se estiver em viagem, apenas de recados ou utilize as teclas do whatsapp. Falar incomoda os demais passageiros. Se vai ler um jornal, não o abra inteiro, invadindo o colega da cadeira ao lado. Aprenda a dobrar bastante o periódico até que ele fique apenas no espaço do seu colo.

Taxi

O lugar de sentar no táxi é no banco de trás, no lado oposto ao do motorista. Desta forma a comunicação fica facilitada e a visibilidade entre passageiro e taxista é muito melhor. Se for um casal, o homem deve sentar nesta posição. Se houver lotação completa, preferencialmente um homem ocupa o banco da frente.

No elevador

Não se apresse para entrar no elevador quando as portas se abrirem. Lembre-se que provavelmente alguém irá sair dele. Se entrar e já encontrar outras pessoas ali, dê um cumprimento geral. Quem já está ali deve dar um passinho para trás, para que todos se acomodem bem. É tão óbvio mas podem acreditar: parece que metade das pessoas não fazem isso e ficam olhando pro teto.

Em calçadas ou corredores de lojas e supermercados

Quando encontrar amigos na rua ou numa loja e a conversa esticar, procurem um canto para ficarem. É horrível quando grupos se sentem o dono da calçada ou do corredor e não deixam ninguém passar por ali. Atenção, homens… vocês sempre próximo à rua. Mulheres próximas aos prédios, por proteção. O mesmo vale para crianças e idosos.

Comer na rua

Nem pensar! Sair andando apressado comendo dentro de saquinhos não é nada elegante. Vai que esbarra em alguém e tudo cai no chão? E o pior… se alguém derrama o refrigerante na sua roupa? Nas empresas, é legal ter um refeitório. Se não há, combine com aquele colega que tem uma sala reservada e não atende ao público para almoçar por ali. Nunca almoce em atendimento.

Subindo e descendo escadas

Mulheres sobem na frente. E descem atrás dos cavalheiros. O motivo é bem simples: o homem deve servir de apoio, para evitar algum deslize, escorregão, ou mesmo, para que a auxiliem com seus sapatos de salto.

E aí, pessoal. O que acharam deste post?

Beijinhos e até a próxima!

Educação

Inclusão escolar na Prática

​O post de hoje vai falar sobre o objetivo do evento II Jornada Pedagógica Brilhantemente, promovido pela Empresária e Advogada Keila Chicralla.

Na primeira jornada, que foi com o Dr. Clay Brites, leia aqui, o foco foi descrever quais eram os transtornos de aprendizagem.

Inclusão escolar

Nesta etapa, em continuação da anterior, a temática central girou em torno da INCLUSÃO ESCOLAR na prática. A Advogada Keila Chicralla, responsável pela Brilhantemente, falou dos aspectos legais que envolvem tanto os responsáveis pelos alunos quanto os gestores da escola, dando objetividade e clareza a um aspecto tão controvertido e intrincado desta relação.

Exemplos clássicos se manifestam nas seguintes perguntas: pode negar matrícula? Quais documentos deve-se exigir? Pode ser exigido laudo? Temas esclarecidos com base jurídica, até mesmo indicando o dispositivo legal que dá suporte. Tudo de forma simples, para quem não domina o Direito entender facilmente.

Parte pedagógica

Na parte pedagógica, que ficou por conta da Raquel Toniolli, uma das responsáveis pelo programa Mackenzie Inclusivo, foram trazidos de sala de aula os casos que passam pelo programa. É bom que se diga que o trabalho do Mackenzie Inclusivo visa adaptação de prova, adaptação de conteúdo, manejo de turma, como fazer, como lidar com a criança em sala de aula, etc. Também mereceu especial atenção o conceito de que inclusão não é só matrícula; inclusão não se limita na matrícula; que, na verdade, inclusão é para todos aprenderem juntos, só que cada um tem o seu tempo.

E as questões se sucedem, e o evento avança em variedade de assuntos e aprofundamento das abordagens.  Por que que tem que ser sempre escrito?
Por que tem que ser da mesma forma para todos?

Surge, a certa altura, a questão do disléxico, porque a habilidade que estão usualmente pedindo-lhe como forma de demonstrar o conhecimento, que é pela pela escrita, é demasiadamente rigorosa, pois ele tem suas particularidades. Enfim, um evento que funciona como divisor de águas na realidade pedagógica do município.

E para finalizar, a frase da Dra. Keila Chicralla: “Inclusão não se limita à matrícula; sob pena de caracterizar exclusão. Inclusão é todos aprenderem juntos, o que não quer dizer aprender a mesma coisa nem mesmo serem testados da mesma forma.”

Raquel Toniolli e Dra. Keila Chicralla

Fotos: Fernando Cerqueira

Saúde

7 frutas excelentes para a saúde

Eu nunca fui de comer muita fruta, confesso. Mas depois de ter tido uns problemas “bobos” de saúde por falta de comer coisas saudáveis, tomei assunto e tenho procurado comer e me informar pesquisando sobre as melhores frutas para saúde.

E não comia não é porque não tem aqui em casa ou porque não costumamos comprar. Pra vocês terem uma ideia aqui em casa tem pé de abacate, que dá abacate deliciosos e agora tem também pé de acerola. Além disso, em todas as compras é sagrado comprar banana, laranja, maçã, limão, abacaxi, goiaba…

Então, hoje resolvi falar dos benefícios dessas frutas maravilhosas que além de fazerem muito bem à saúde, são fáceis de achar, baratas e descomplicadas para o preparo. Sem contar que hoje tem inúmeras receitas comuns e fits para você abusar de novas receitas e não ficar enjoada de comer a fruta pura. Existem sucos, vitaminas, pratos saudáveis, sacolés, sorvetes… e mais um montão de coisas que você pode inventar.

Abacate

O abacate é um fruto bastante rico em substâncias gordurosa encontrada na polpa. Ele tem diversas aplicações medicinais, culinárias e cosméticas. As partes utilizadas do abacate são: folha, fruto e semente. O abacate ajuda a tratar de: contusões, dores de cabeça, dores reumáticas, bronquite, diarréia, pele seca, cabelo ressecado e na retenção da secreção biliar. 

Banana

Bananas (chopped) on an old wooden table (selective focus)

A banana é rica em potássio, sais minerais e vitaminas (A, B, B1, B2, C, E, H). O consumo da banana é muito indicado para atletas, porque estimula a produção de serotonina no cérebro.

As últimas pesquisas indicam que a banana previne derrame e é bom para a circulação. 

Goiaba

A goiaba é uma excelente fruta para a saúde, ela contém ferro, tanino, vitamina A e muita vitamina C. A goiaba promove o metabolismo das proteínas, e ajuda a prevenir a acidez e fermentação dos carboidratos durante a digestão.  

Laranja

A laranja é rica em vitaminas (A, B12, C), ferro, fósforo e cálcio. Ela é refrescante, diurética e depurativa do sangue. Além disso, a laranja favorece a secreção de suco gástrico, de bile e de todos os líquidos do tubo digestivo. A laranja ajuda a tratar de: anemia, febre, gripe, intestino preso, problemas digestivos e tensão nervosa.  

Maça

A maça tem muitas propriedades medicinais, entre elas, fósforo, sais minerais e vitaminas (A, B1, B2), ácidos, sódio e tanino, que atua como antiinflamatório e adstringente. A maçã ajuda a tratar de: eliminação de toxinas no sangue, pele cansada, desidratada e congestionada, problemas digestivos, proteção da mucosa, retenção de líquidos, reumatismo e tensão nervosa. 

Limão

O limão é rico em vitaminas (A, B1, C) e sais minerais. Além de o limão ajudar em gripes e resfriados, vale lembrar que ele tem várias aplicações terapêuticas. No limão é encontrado substâncias fotossensibilizantes, por isso, deve-se sempre lavar as mãos após o seu uso.

O limão ajuda a tratar de: problemas estomacais, aftas, feridas, tosses, unhas fracas, ácido úrico, pneumonia, enxaqueca, amigdalite, acne, enjôo, hipertensão arterial, estomatite, faringite e úlceras em geral. 

Abacaxi

O abacaxi é ótimo para repor as energias. Ele é um alimento com ácidos orgânicos, açúcares, cálcio, enzimas, ferro e vitaminas. Ele tem o poder de retirar as células mortas da pele, rejuvenescendo-a e por conseqüência disso é excelente nos processos de cicatrização. O abacaxi ajuda a tratar de: doenças respiratórias, melhora a aparência da pele, excesso de líquido no organismo, feridas, problemas digestivos e úlceras.  

crédito: https://belezaesaude.com/frutas/

Eu achei um barato fazer este post 🙂 Será que vocês vão comer mais frutas a partir de agora? Quero saber.

Beijinhos e até o próximo.