Entrevista da Semana

Entrevista da semana na Folha Estilo

David Coelho – Psicólogo, Coach e Palestrante

Perfil:

Formação profissional

Psicólogo,  Pós-graduado em Neurolinguistica,  MBA em Gestão e Planejamento Educacional pela Universidade Católica de Brasília, Master Trainer em Programação Neurolinguistica pela Universidade Metaforum International – Alemanha, Professional and Self Coach pelo Instituto Brasileiro de Coaching – IBC com certificação internacional pelas instituições European Coaching Association (ECA), Global Coaching Community (GCC), International Association of Coaching (IAC), Behavioral Coaching Institute (BCI).  Pela FEBRACIS – Federação Brasileira de Coaching sou Master Coach, Analista Comportamental Cis Assessment com especialização nas áreas High Business, Coaching Education e Advanced Executive Education.

Trajetória profissional

Os primeiros passos como profissional focado no desenvolvimento humano foram dados no Colégio Salesiano de Brasília – DF, há 18 anos; o conhecimento e a sede por oportunidades me trouxeram para Campos em 2005, atuando desde então em grandes instituições de ensino como o Colégio Salesiano, Colégio Bittencourt e SENAI.

Em 2007 decido ser psicólogo voluntário em ações humanitárias no pós-guerra em Angola – África nos projetos de capacitação, crescimento pessoal e profissional nas ONGs Acción Contra el Hambre, Agencia Espãnola de Cooperación Internacional e Salesianos de Dom Bosco Internacional.

Hoje, além de Diretor Pedagógico do Colégio Integrado João XXIII, acumulo mais de 9.700 horas em treinamentos sobre Inteligência Emocional, Coaching e PNL, impactando mais de 10 mil pessoas nos últimos 8 anos. Criei recentemente o Método DCR – Desperte! Creia! Realize! que busca em um prazo muito menor produzir resultados maiores e efetivos.

Quando e como escolheu ser psicólogo

Estávamos nos anos 2000, atentados terroristas ao World Trade Center em Nova Iorque, a América Latina passando por transformações políticas, a internet conquistando o seu espaço, comecei a observar por onde passava que as pessoas vivenciavam um vazio existencial; foi aí que encontrei os conceitos de Carl Rogers, Milton Erickson, Carl Jung e Jean Piaget.

Principal atribuição do psicólogo no cenário educacional

Acredito que o psicólogo é o profissional mais indicado para assessorar e esclarecer o ambiente educacional a respeito de diversos aspectos do processo de ensino-aprendizagem e do comportamento humano, e tem uma atuação preventiva.

Para mim as palavras de Rubem Alves definem muito bem a atribuição do psicólogo no cenário escolar. “O nascimento do pensamento é igual ao nascimento de uma criança: tudo começa com um ato de amor. Uma semente há de ser depositada no ventre vazio.

E a semente do pensamento é o sonho. Por isso os educadores, antes de serem especialistas em ferramentas do saber, deveriam ser especialistas em amor: intérpretes de sonhos”.

A aceitação do profissional hoje está mais bem compreendida ou ainda tem gente que pensa que o tratamento é “desnecessário”? Hoje, com todo o acesso a comunicação e com boas fontes, percebo que a sociedade tem compreendido amplamente o papel do psicólogo e sua importância.

Sua atuação como Psicólogo e como Coach

Como concilia as duas áreas? Todos os seres humanos possuem necessidades e, eventualmente, precisam de um suporte para lidar com os obstáculos naturais da vida.

Muitas pessoas desconhecem a diferença entre coaching e psicologia e, não raro, escolhem apenas uma dessas abordagens para solucionar o problema que enfrentam. Como Psicólogo Coach tenho resultados extraordinários como maior assertividade quanto aos problemas a serem tratados na vida do indivíduo.

Através das técnicas e ferramentas do Coaching consigo acelerar o processo evolutivo do cliente, auxiliando a pessoa para que ela defina suas metas de acordo com seus valores, construindo, assim, sua missão de vida.

– Quem é David? Sou filho da terra nordestina, apaixonado pelo ser humano, amante de um bom vinho. Um aventureiro da vida. Um vencedor.

Sobre a sua família

Essa pergunta gera muita emoção. Sou casado com Daniela Cretton; completamos 10 anos em junho. Nos conhecemos pelos corredores do Colégio Salesiano em janeiro de 2005; ela é minha fiel parceira, amiga e companheira. Temos dois filhos: Sávio, nosso primogênito com 9 anos, e Theo, “Presente de Deus” com 6 anos.

Temos um relacionamento bem divertido; gostamos de viajar, curtir a praia, ficar com as crianças e receber amigos em casa. Temos a mesma espiritualidade; acreditamos em Jesus Cristo e somos filhos de Nossa Senhora Auxiliadora.

– O que costuma fazer nas horas vagas? Viajar, ler e principalmente curtir a família.

Bate-bola:

– Assustador – A miséria
– Vencedor – Meu filho Theo
– Maior conquista – Superar a amputação do meu braço esquerdo
– Time – O maior. Flamengo.
– Bebida que não consome – Campari.
– Campos – Onde sou feliz.
– Tem medo de… Solidão
– Filme – Dirty Dancing – Ritmo Quente” (1987) e Pentalogia “Rocky” (1976, 1979, 1982, 1985 e 1990) 
– Música – “Eye of the Tiger”, do Survivor 
– Não admira – Mentira
– Qualidade – Otimismo
– Defeito – Teimosia
– Esporte preferido – Futebol
– Palavra preferida – Família
– Sucesso – Realizar sonhos
– Outra profissão que gostaria de ter – Psiquiatra
– Amigo inseparável – Meu filho Sávio
– Detestável – Fome
– Estilo de música – Forró e Gregoriana
– Saudades de… brincar com meu irmão Dalmo
– Não acredita – Bicho papão
– Nota zero – Crenças Limitantes
– Nota dez – Inteligência Emocional
– Religião – Cristã Católica Romana
– Deus – Vida abundante
– Deixe uma mensagem: Veja aquilo que não existe como se já existisse e seja feliz! Desperte! Creia! Realize!

Vania Carvalho

Escrito por Vania Carvalho

Campista, caçula de uma família de 9 filhos, casada há 23 anos com o advogado Ralph Pessanha e mãe de Bianca e Bruno.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *