Blog da Vânia

Emagrecendo com saúde

Muito boa a história da engenheira e empresária Cássia Rangel sobre determinação e perseverança para conseguir ter uma vida saudável sem ter que utilizar meios perigosos para essa conquista. Ela vai contar como, quando e por quê essa mudança aconteceu em sua vida.

Cássia Maria: no final de 2014 retornei para as aulas de condicionamento físico aquático e voltei a conviver com amigas que tenho desde a época da hidroginástica no Tênis Clube; isso faz aproximadamente 20 anos. O convívio com elas e com os professores Sandra e Cláudio Faria me estimulou a fazer a dieta e o acompanhamento físico com os dois. Passou o verão e tomei a decisão que não podia mais ficar com o peso que estava, pois estava afetando o meu condicionamento físico; eu ficava sempre cansada ao menor esforço.
Tive o apoio da minha família e principalmente dos meus filhos, uma vez que a rotina na nossa casa iria mudar.
Comecei a fazer dieta em março de 2015 e, junto com muita ginástica, consegui eliminar 30 kg. Hoje o meu maior lazer é participar de corridas de rua, em Campos e no Rio de Janeiro.

– Você sempre foi gordinha ou aconteceu algo que te fez engordar?
Sempre estive acima do meu peso, tenho uma estrutura óssea pesada e grande. Sou de família árabe em que tudo gira ao redor da mesa e com muita fartura, aí fica difícil resistir, rsrs.

– Além da mudança de peso o que mais mudou em sua vida?
Para você conseguir uma mudança no seu peso, primeiramente tem que mudar a sua forma de pensar, é preciso tomar a decisão, pois é um caminho difícil e longo; para mim então, que trabalho com doces, mais ainda: tem que ter muita força de vontade.
A primeira coisa que mudou foi a minha rotina; incluí a atividade física diária, mudamos a alimentação em casa e consequentemente o meu humor e autoestima também mudaram bastante.

– Qual a sua história com dietas, excesso de peso, perda de peso…
A minha vida inteira lutei contra a balança, só ficava magra a partir de dietas e remédios. Já tomei todos os remédios existentes no mercado e também já fiz vários tipos de dieta, mas sempre quando parava, acontecia o efeito sanfona.

– Qual dieta você seguiu e que deu certo? Teve acompanhamento de algum profissional?
Dieta naturalista holística. Primeiro fiz uma desintoxicação alimentar retirando vários alimentos como carne vermelha, glúten, lactose, embutidos, temperos prontos, enlatados, doces, bebidas alcóolicas, refrigerantes, etc.
Depois dessa fase de limpeza fui acrescentando toda semana um alimento e analisando o retorno que ele dava no meu corpo, tudo acompanhado de muito exercício (condicionamento físico aquático, musculação e corrida) e supervisão da professora Sandra Faria.
A melhor coisa foi que não tomei nenhum remédio, somente chás e extratos naturais de ervas.

– Fale sobre a sua experiência e aprendizado com o momento diferente que passou.
Não foi nada fácil dar o pontapé inicial, mas, depois que iniciei o processo de emagrecimento, fui criando forças para superar cada dificuldade, cada festa, cada reunião de família. Tornei-me uma pessoa bastante disciplinada; não imaginei que conseguiria chegar até aqui; hoje sou uma pessoa mais forte e feliz!

– Qual foi a parte mais difícil dessa fase?
Acredito que a fase da limpeza, pois havia muita restrição. Ficava implorando para Sandra colocar algum alimento diferente na dieta, mas ela é muito exigente e sabe o que é melhor em cada fase do processo.

– Quais foram os obstáculos?
Muitos!!! Minha família é enorme e festeira, e, como falei anteriormente, tudo acontece em volta da mesa e com a mesa cheia. Mas tive muito apoio de todos, principalmente dos meus filhos e de Guilherme, meu marido.

– O que continua fazendo para manter o peso conquistado?
Hoje em dia já dou umas escapadas na dieta, mas continuo com o meu ritmo de exercícios semanais. Faço condicionamento físico aquático (CONFIA) três vezes por semana, musculação e agora estou fazendo parte de uma assessoria esportiva própria para corrida de rua (VELOZ AE), onde treino três vezes por semana.

– Está com o peso ideal para o seu biotipo?
Pelo IMC (índice de massa corpórea) estou acima do meu peso, mas para mim já estou ótima, minha pressão arterial baixou, minhas taxas estão todas normais e minha cardiologista disse que estou com frequência de atleta.

– O que você diria para quem vive tentando emagrecer e não consegue?
A primeira coisa é que você tem que realmente querer, pois sem força de vontade não conseguiremos nada na vida. E só posso dizer que vale muito a pena o emagrecimento saudável, pois é uma mudança de vida, de hábitos. Com o tempo tudo vai ficando mais fácil e aí constatamos que vale a pena todo o sacrifício que passamos. Não existem milagres no emagrecimento, é um conjunto de disciplina, mudança alimentar e exercícios, tudo com a supervisão de um profissional competente.

– Hoje toda sua família te acompanha neste novo estilo de vida?
A atividade física sempre foi um hábito em nossa casa, mas a alimentação não era das melhores. Hoje nos alimentamos muito bem, e sem passar vontade de nada já que eu e minha filha estamos sempre testando receitas na versão saudável! A corrida também virou uma paixão de todos, sempre participamos de provas e isso nos une muito; é ótimo acompanhar a superação de cada um e comemorá-las juntos.

– Querer é poder?
Sempre! Para podermos realizar qualquer coisa em nossa vida temos que ter força de vontade. Nós somos mais fortes do que imaginamos, mais fortes do que nossas vontades!
Não basta sonhar, você tem que fazer o sonho acontecer!

Cássia Maria de Assis Rangel Melo,
Engenheira Geotécnica e Empresária com título de D.Sc.. 
Vania Carvalho

Escrito por Vania Carvalho

Campista, caçula de uma família de 9 filhos, casada há 23 anos com o advogado Ralph Pessanha e mãe de Bianca e Bruno.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *