Dicas

Criativo e prático

Gente, fiz esse post porque fiquei encantada com algumas ideias práticas, criativas e baratas para decoração. Foi difícil selecionar. Tem muita coisa diferente e fica sempre aquela vontade de fazer também. Na verdade, nós sempre temos aquele cantinho que está precisando de mais uma atenção, não é mesmo? Escolhi modelos de mesas, arranjos, enfeites, quadros, porta lápis, móveis, vasos para flores e prateleiras super diferentes.

Moda

Eles também arrasam

Nós mulheres sempre olhamos com mais atenção para os looks femininos, não é?

Mas dessa vez atentei para os homens que estavam com estilo, elegância e personalidade no vestir.

O Oscar é um evento muito luxuoso e de muito destaque, por isso todo o cuidado deve ser usado na hora de escolher o modelo para a noite.
Vale observar que não foi fácil conseguir fotos de homens, não entendi por que quase não os fotografam. Vi alguns na apresentação que não estarão aqui.

Jóias, Moda

Os acessórios

O primeiro post da semana será sobre acessórios/bijouterias.
Escolhi este assunto porque é uma coisa da qual eu não abro mão, e não consigo ficar muito tempo sem comprar. Acho uma delícia colocar um look bem básico e abusar nas peças.

Para completar eu tenho uma parceira de muito bom gosto, que cria peças diferentérrimas, e aí eu não resisto, rsrsrs.

Estou falando das peças da Alternativa Bijouterias, da empresária Renata Alves, loja que, além de bijoux prontas, também vende as peças para montagem. Tudo que você vir no post, pense em muiiito mais, ela tem tudo o que for necessário. Quase todos os dias ela e sua equipe confeccionam coisas lindíssimas; como sempre, eu faço uma seleção das coisas que mais gostei e que são tendências. Vejamos:

Modelo: Bianca Carvalho
Fotos: Vânia Carvalho
Jóias

A nobreza das semi jóias

Vocês já sabem que eu sou fã das peças de extremo bom gosto da À Jóia Nobre. Toda vez que passo por lá fico namorando as vitrines. Dessa vez não foi diferente, selecionei pulseiras, anéis e cordões bem fofos, daqueles que não tem quem não goste. Vamos às minhas escolhas?

Direito

O essencial poder de síntese

“Decisão determinou a um advogado a emenda de petição inicial de forma a reduzir a peça de 40 para 10 laudas. Recurso improvido.”

“Desembargador alerta advogado que peça enxuta tem mais chance de ser acatada.”

Converso muito com os colegas mais antigos, e sou observador atento da realidade forense. A par disto, funcionei como conciliador, em trabalho gratuito e voluntário, por 5 anos na quarta vara cível da comarca de Campos dos Goytacazes.

Salta aos olhos que as letras diminuem e o número de folhas das petições aumenta. Depois do advento do computador, e do expediente de copia e cola, as peças processuais passaram de 4 laudas ou 5 datilografadas para 20 impressas em letras ainda menores. Vem a defesa com outras 20, 30, a réplica com 10 e lá vai o processo rapidamente para 80 folhas. No momento da sentença ele já está no segundo volume. Aí vêm as reclamações de que o Juiz não lê, que é a secretaria que redige a sentença, que o Magistrado não recebe o advogado, que nunca viu isso de secretário despachar… Ora, o advogado que não sabe resumir o que pretende, vai ser tedioso e inconclusivo perante o Magistrado ao despachar, e o imbróglio está formado.

O poder de síntese, de rapidamente fazer-se entender, é tudo para o advogado. Um amigo Magistrado me confidenciou que há quem não saiba o que quer ao chegar perante o Juízo.

É humanamente impossível ler a gigantesca quantidade de processos, volumosos como transformaram-se.

Ser econômico e objetivo nas peças permite ser detalhista e volumoso no que nos dá mais prazer.

Matéria feita pelo advogado Ralph Pessanha