Moda

​Olhando o tempo, como quem admira a vida

É assim que o tempo chega! Você um dia, abre sua janela, pela manhã, e passa a admirar a vida lá fora de forma diferente! Começa a ver coisas que não via antes, a observar um beija flor que chega sem a menor cerimônia à flor que nasceu na sua jardineira; olha um sol que parece que nasceu só para você, e sente Deus em cada detalhe, em cada coisa simples que essa tela pintada pela natureza lhe oferece gratuitamente!

É o sinal de que você está envelhecendo!Tudo passa a ter um valor novo, um certo colorido de paz, um frescor diferente que o vento traz à sua pele, a seu rosto, e lhe sinaliza que, dali em diante, o espelho não será o mesmo! Haverá surpresas, alguns sustos, mas também muitas alegrias! Os sinais do tempo nem sempre significam que a velhice chegou pra valer!

Afinal, o que é ser velho ou estar velho? Sinceramente, não sei! Velho, para mim, me passa um sentido de inutilidade, de alma empoeirada, de olhos sem viço e de sorriso melancólico! Velho é algo que ficou esquecido, jogado de lado, esperando a hora de ser despachado para o outro lado da vida! Discordo disso tudo! O tempo é implacável, eu sei, mas me usando como um exemplo vivo, nunca trabalhei tanto, nunca me senti tão útil, e apesar das limitações naturais da idade, sinto que ainda há muito o que fazer, há muito o que produzir e há muito o que viver, se assim Deus o permitir. Velhice é quando a alma enruga, engessa, a mente desiste de pensar no bem para viver amargurada! Velhice é quando a vida já não tem propósito.

Nós, mulheres guerreiras, não aceitamos entrar nessa “neura”. E, se há uma coisa que nos ajuda muito a vencermos esses “demônios”invisíveis, é abatê-los com a nossa energia, com propostas de vida, planos e projetos! Não há demônio que aguente! E podemos ser poderosas!

Vamos nos cuidar, vamos ter metas, vamos nos amar, vamos sorrir muito, vamos desafiar os problemas e nos libertar das muletas da alma , das frustrações do espírito e das desordens do coração. Por que eu falo tudo isso?Porque lido com a beleza no meu dia a dia, lido com moda , lido com coisas que podem nos deixar felizes, lindas e jovens, porque é o espírito que comanda, é a auto-estima que nos rege, é, enfim, reconhecermos nossos valores interiores e escolher VIVER.

E hoje, dedico às mulheres maduras, a minha coluna de moda, com sugestões, com truques que podem deixá-la infinitamente de bem com a vida e, principalmente, de bem consigo mesma! A idade não me perturba. Ao contrário, ela me envaidece e me dá muitas certezas de tudo que fiz, de tudo que faço e de tudo que ainda pretendo fazer.

Um beijo e meu carinho.Seguem as fotos lindas que pesquisei com muito amor para todas vocês. Até a próxima!

Fotos: Divulgação

Loja Baccarat Modas

Gilda Wagner

Escrito por Gilda Wagner

Meu nome é Gilda Wagner, sou formada em piano, sou também professora, embora não tenho exercido o magistério. Gosto de escrever, sou poeta das horas vagas, com livro publicado, e faço parte da academia Campista de Letras. Sempre me envolvi com comércio e moda, tendo feito muitos cursos e adquirido muito conhecimento e experiência através dos anos. Sou mãe de Fabiana, endodontista, filha que é meu tesouro. E só!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *